Quanto tempo dura um tratamento ortodôntico?



Para iniciarmos a conversa, precisamos esclarecer melhor esta pergunta. Em verdade, a pergunta correta é: “Quantas CONSULTAS serão necessárias para se fazer um tratamento ortodôntico?”

Costuma-se dizer que um tratamento ortodôntico dura, em média, 24 meses. Mas este é um número totalmente aleatório e na verdade não quer dizer NADA, pois se tem algo que o ortodontista não controla é o tempo. Nem ele nem ninguém!

Ortodontista controla consultas.

O tempo vai depender de uma infinidade de fatores que são absolutamente impossíveis de predizer. As variáveis vão desde as “faltas” do paciente até as intercorrências que não são possíveis controlar como viagens, quebra do aparelho, limitações biológicas e por aí vai...


Quanto às consultas é possível ter-se uma ideia. E esta ideia o paciente merece e precisa saber. Costumo comunicar aos meus pacientes o número de consultas “pró-ativas”. Aqueles atendimentos que contribuem efetivamente para a finalização do tratamento. Consultas de urgência ou de “conserto” do aparelho não entram nesta conta. Afinal, não podemos nos responsabilizar pela colaboração do paciente. Podemos e devemos incentivar e orientar os pacientes para nos ajudar na boa conduta do tratamento e esperar que tenhamos sucesso nesta tarefa. Vale lembrar, que a colaboração tem efeito direto no tempo de tratamento, pois quanto mais colaboração, menos atendimentos!


Acredito que está na hora de pararmos de falar só do tempo de tratamento. Está na hora de focarmos no número de procedimentos, pois só assim vamos separar o joio do trigo, ou melhor, o tempo e as consultas, e demonstrar de uma vez por todas a nossa eficiência e, principalmente, a nossa eficácia!

Só lembrando: "mais eficácia nas consultas, menor o tempo de tratamento".


Viva a Ortodontia!

100 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo