Quanto custa um tratamento ortodôntico?


Custa o valor que o profissional escolhido, pelo paciente, quer cobrar; e se compromete pelos resultados!

Como todo serviço, o tratamento ortodôntico apresenta muitas variáveis e por se tratar de um procedimento de saúde os limites de uma ponta a outra são amplos.


Cada ortodontista sabe o seu valor, ou pelo menos deveria saber e, sendo assim, sabe o que pleitear.


As diferenças de preço entre profissionais variam conforme aquilo que cada especialista acredita que tem como diferencial. Conhecimento, experiência, habilidade, perfil de atendimento, tipo de aparelho, qualidade das instalações, localização do consultório, número de pacientes e muito mais fazem parte do "pacote de serviços" oferecido.


Não adianta e não é bom comparar preços na Ortodontia (e também em outras especialidades), pois cada ortodontista sabe a clientela que tem e toma como base a satisfação desta.


Clientes satisfeitos estão dispostos a pagar mais, pacientes "super" satisfeitos (e com boas condições financeiras) estão dispostos a pagar muito mais. Confiança é a palavra-chave e cada consultório ou clínica de Ortodontia tem a percepção, nem sempre precisa, diga-se de passagem, da sua reputação ou prestígio.


Alguns profissionais gostam de atender vários pacientes no mesmo espaço, outros preferem atendimentos mais individualizados. Alguns preferem delegar certas tarefas, outros preferem fazer tudo sozinhos.


A variação de atendimento é enorme e não se pode dizer que algum tipo de prestação de serviço é melhor do que a outra. O que fará a diferença é a qualidade do resultado e como este foi alcançado.

No fim, quem decide o que prefere é o paciente e este sabe quais são as suas exigências e a sua disponibilidade para pagar o que está procurando. Na verdade, confiança no especialista e satisfação no resultado não tem preço, o resto, você já sabe...


Viva a Ortodontia!

144 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo